30 de junho de 2011

E os vagalumes...

Coluna semanal onde eu posto trechos de livros que eu gostei, ou textos que eu escrevi.

Oi,
Hoje eu vou postar um texto que eu escrevi. 
Doce ilusão
Nunca pensei que algo como aquilo fosse acontecer. O céu já estava nublado fazia um tempo, mas nunca achei que fosse ver a tempestade cair. Achei que não fosse acontecer, achei que eu estava apenas sendo neurótica sobre tudo como sempre, que era apenas ilusão minha. Contudo, dessa única vez, não fora ilusão minha. Foi ilusão quando eu achei que talvez você sentisse algo por mim, foi ilusão todas as vezes que eu pensei que algo positivo teria acontecido. Todavia da única vez que eu quis que fosse, foi a mais pura verdade. Ou melhor, nem sei se eu conheço toda a verdade, nem sei o motivo que levou tudo a desabar, se pelo menos você tivesse me dado à chance de explicar. Eu peço desculpas por algo que eu possa ter feito, mas você terminou tudo de um modo imperfeito. E mais, age como se não tivesse feito absolutamente nada. Diga-me a verdade, não sente nada quando houve meu nome? Ou quando me vê? Não sente uma pontinha de saudades? Uma pontinha de rancor? Talvez arrependimento? Você não sabe o quanto eu sofri e sofro cada dia quando eu te vejo, já pensei em mil maneiras de vingança, mas a melhor que eu encontrei foi fazer você me ver sorrindo. Não irá ver-me chorando, não irá me ver triste. Não merece meu sofrimento nem minhas lágrimas. Mesmo que elas existam, eu as esconderei. Você merece me ver feliz, mesmo com tudo que fez para fazer com que e caísse.

6 comentários:

  1. Decepção, for sure! Qual adolescente que nunca passou por isso, aliás? Quanto mais penso na minha própria "desgraça amorosa", mais vejo que estou longe de ser a única. E quanto mais aninhos eu ganho, mais eu vejo que garotos são, sério, muito tolos e ilusionistas. Principalmente, ilusionistas.

    ResponderExcluir
  2. São muito ilusionistas! Eles conseguem fazer a gente achar que são principes encantadas quando na verdade não são nada haha

    Gabi

    ResponderExcluir
  3. nossa vc escreve hiper bem... lindo o texto, mesmo sendo triste...
    quem é que nunca se sentiu assim né... péssimo

    bjss

    ResponderExcluir
  4. Uau Gabi! Você escreve muito bem!!! Adoro quando esse post tem um texto seu :) O texto ficou realmente muito bem escrito!!!
    Garotos podem ser mesmo uns idiotas, mas eu não consigo generalizar (como a Penny fez no início de Lonely Hearts). Eu sou uma eterna esperançosa e acredito que existem homens muito bons por aí (são difíceis de achar, mas não é impossível) :P

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Belo texto Gabi, adorei mesmo, eu também escrevo, estou fazendo umas "coletaneas" com os meus melhores textos e fanfics para postar lá no blog...
    Eu nunca passei por isso com nenhum garoto, com amigos(as) sim, e às vezes eu penso que nunca me apaixonei, por que nunca me deixei fazer isso, por puro medo de me decepcionar, já fui até chamada de fria... Assim como a Mundo da Leitura disse acima acho que existem homens bons por aí, mas ainda assim que não existem para mim, enfim parabéns pelo texto!!

    Rafaela Lopes

    PS: A Penny generalizou demais, o bom foi no final quando ela "pagou" coma lingua!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Gabi *-*
    Descobri seu blog esses dias,e vim logo na melhor parte,haha.
    Você escreve muiiito bem,menina :D
    Parabéns ^^
    Ah,decepção ... Posso te dizer que é MUITO chato isso,não é mesmo? Principalmente quando sentimos de alguém que gostamos,ou pelo menos,gostávamos,rs.
    Tenho passado por isso,e é engraçado como as pessoas nos decepcionam,e não sentem nada,na verdade,elas voltam e fazem a gente de besta novamente.
    Desculpa,é que ultimamente isso tem me irritado :/
    É muito complicado :S
    Bom,gostei muito do seu blog!

    Bjs :-*

    ResponderExcluir