11 de junho de 2012

E os vagalumes #33


Surpresa! Eu ia postar isso só no sábado, mas fiquei animada e já se passaram quatro meses desde que postei essa coluna pela última vez, então achei melhor postar logo antes que eu desistisse. 

É difícil eu escrever algo que me agrade e que eu sinta vontade de postar em algum lugar. Eu costumava trazer um trecho de livros e comentar, mas hoje decidi postar algo que eu mesma escrevi. Já postei no outro blog, mas eu queria postar aqui também. 

Para quem é novo no blog e não sabe sobre o que a coluna 'E os vagalumes?' fala é simples: as vezes eu posto trechos de livros e comento sobre eles, ou eu posto textos/poemas que eu mesma escrevi. É basicamente isso, um espaço mais pessoal aqui no blog. 

Eu escrevi a umas semanas atrás e eu espero que vocês gostem. Não vou prometer postar mais seguido, mas vou tentar. Adoraria saber o que vocês acharam do poema, ficaria imensamente agradecida se comentarem!

10 milhões de vagalumes

Chora chora vagalume
Memórias passadas ressurgem
Chora chora vagalume
Não deixe que as lágrimas inundem

Brilha brilha vagalume
Não deixe se abalar
Aumente aumente esse volume
E deixe seu mundo girar

Diga diga vagalume
Que você não acredita
Diga diga vagalume
Que você necessita

Voe voe vagalume
Para longe da insanidade
Vamos vamos vagalume
Voe por curiosidade

E mesmo não acreditando nos seus olhos
Vamos vamos vagalume
Voe voe nesse instante
Voe voe para longe.

6 comentários:

  1. Gabi, simplesmente adoro o que você escreve. É profundo. Belo. Encantador.
    Fiquei emocionado aqui, sério. Tens que escrever mais, hein!
    Fez bem em adiantar a postagem, Gabi!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  2. Awn, amei Gabi! De coração, li aqui e amei o ritmo do poema, poderia se tornar muito bem uma canção super fofa *O*

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Como já comentei: um amor! Canção de ninar, bem estilo :)

    ResponderExcluir
  4. Oi Gabi :)
    Nossa, que amor o seu poema *-*
    Eu adoro essa coluna e sinto falta dela as vezes :(
    Sim, porque apesar de demorar para aparecer por aqui nos comentários (eu sei que isso é muito feio), eu leio todas as postagens no meu e-mail =P

    Beijos
    Adriana - Mundo da Leitura

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi, você sabe que eu adoro essa coluna né? Adorei o poema, super fofo, está de parabéns.

    ResponderExcluir