25 de janeiro de 2013

Resenha: Second Chance Summer - Morgan Matson


A minha ideia original, era ler um livro leve e fofo depois de uma leitura bem pesada. Escolhi Second Chance Summer, um livro que se mostrou tudo menos uma leitura leve.
A família Edwards não é a mais unida, nem a mais comunicativa. Uma noticia inesperada relacionada a saúde do pai de Taylor, faz com que toda a família resolva passar as férias na antiga casa do Lago Phoenix, lugar que eles não visitavam fazia cinco anos.
Taylor não fica nem um pouco animada em voltar, principalmente levando em conta as pontas soltas que ela deixou ao partir cinco anos antes.
Eu achei que Second Chance Summer seria uma história sobre um romance fofo de verão. De fato, tem um romance fofo de verão, mas o livro é muito mais que isso. O livro fala sobre família, amizade e segundas chances.
É lindo, é triste e é um livro extremamente bem escrito. Eu chorei bastante, mas é aquele tipo de leitura que faz bem. Que me fez pensar em coisas que eu não gosto, mas às vezes é preciso. Fala como às vezes precisamos ser abertos a segundas chances, e que todos cometem erros. Todos fogem de coisas que não querem enfrentar e todos tem medo.
Taylor é uma personagem cheia de camadas, que tem medo de se apegar as pessoas e foge das situações que a assustam. E durante o verão, ela se vê obrigada a enfrentar tudo. Henry é fofo e Lucy é aquela amiga que todo mundo tem. Eu acho que já comentei por aqui, mas eu simplesmente adoro histórias que se passam nas férias de verão. Tem um clima muito especial.
Morgan Matson me conquistou ainda mais com Second Chance Summer do que com Amy and Roger’s Epic Detour. Eu gostei muito mais desse livro, da história e da maneira como a autora desenvolveu. E da maneira como ela proporciona o leitor a realmente, se emocionar com a história.

9 comentários:

  1. Não sou muito fã de historias de verão não... mas eu leria porque você me chamou a atenção, não é SÓ um romance de verão!

    ResponderExcluir
  2. Gabi, adorei sua resenha! Mas vamos com calma que eu ainda tenho que ler Sarah Dessen.

    ResponderExcluir
  3. O lamento é que eu ainda não leio em inglês. Ainda, porque se Deus quiser, um dia lerei.
    maravilhosomundodetinta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha, parece ser um ótimo livro *-*

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Tem um selinho pra você no meu blog.
    Passa lá e veja!
    Bjos
    Lu
    http://vergostarler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Gabi

    A capa faz pensar em uma história bem leve mesmo, mas é bom se surpreender assim. Adoro história de verão também, sempre tenho a impressão de que pelo tempo curto tudo parece mais significativo.

    :)

    ResponderExcluir
  7. Nossa, Gabi, quando se julga pela capa o que se imagina é realmente um romance fofo e etc de verão, mas que bom saber que é mais do que isso. Tinha que ser lançado no Brasil nem tanto pelo inglês mas porque é mais chato de encontrar do que se for traduzido.
    Enfim, gostei.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  8. Li Amy and Roger's Epic Detour ano passado e gostei bastante do livro, mas nunca tinha visto esse livro da autora. Me lembrou um pouco o livro anterior, por causa das tramas familiares, mas acho que a história em si não tem muito a ver, né? As veze precisamos ler um livro assim, que nos leve a refletir mesmo, para sair da comodidade e com um livro bom e bem escrito, melhor ainda.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha, não sei porque, mas esse parece ser do mesmo time que os livros da Sarah Dessen estou certa? Se for eu provavelmente vou adorar. Aliás, foi culpa sua eu ter viciado em Sarah Dessen , depois de ter lido dois dela, já estou economizando pra comprar mais dois. E os livros que eu comprei semana passada ainda nem chegaram. S.O.S

    ResponderExcluir